O dilema que a
Apple enfrenta com o will Smith após a polêmica no Oscar


Will Smith é a estrela de Emancipation, que a Apple TV+ imaginou ser um candidato infalível ao Oscar. Mas isso foi antes do tapa, e agora os executivos da empresa não sabem o que fazer com o filme.



O mundo parou quando Will Smith subiu ao palco do Oscar 2022 para dar um tapa em Chris Rock, comediante norte-americano que apresentava a categoria da vez.


Chris fez uma piada sobre a esposa de Will, Jada Pinkett Smith, que sofre de uma doença autoimune. O ator não gostou nada da piada, e teve uma reação que roubou a cena.


Após o ato, a Academia anunciou que Will estaria banido da premiação pelos próximos 10 anos e o próprio ator tinha renunciado como membro da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood


Dirigido por Antoine Fuqua, Emancipation era a grande aposta da Apple TV+ para o Oscar do próximo ano. Mas a polêmica fez a empresa adiar o lançamento para se afastar das controvérsias.



Segundo o que apurou a revista Variety, este seria mais um grande trabalho de Will, e poderia o levar novamente a ganhar a estatueta de melhor ator.


O drama acompanha a jornada de um escravo fugitivo que atravessa os pântanos da Louisiana em um caminho tortuoso para escapar dos proprietários de plantações que quase o mataram.


A produção da Apple ainda estará elegível para a próxima temporada de premiações se for lançada este ano. No entanto, os executivos discutem a possibilidade de esperar até 2023.

Chris Rock no Oscar e

Will Smith se irrita com

Entenda a treta

apresentador!

dá tapa no rosto do