Johnny Depp vence batalha judicial contra Amber Heard e  receberá indenização milionária




Divorciados desde 2017, Johnny Depp e Amber Heard se enfrentaram no tribunal após acusações de violência doméstica e difamação.



Um dos julgamentos mais midiáticos da história de Hollywood, o embate entre Johnny Depp e Amber Heard chegou ao fim com um veredito favorável ao astro. 


Após dois meses de julgamento, o júri considerou a atriz culpada por difamação contra o ex-marido e Heard foi condenada a pagar uma indenização de 15 milhões de dólares, cerca de R$
72 milhões. 


Embora tenha vencido a batalha judicial, Johnny Depp também precisará desembolsar 2 milhões de dólares, cerca de R$ 9,6 milhões, porque foi considerado culpado de difamação contra a atriz.


“Meu coração está partido com o fato de que uma montanha de evidências ainda não foi o suficiente para enfrentar o poder e a influência desproporcionais do meu ex-marido”, declarou Amber. 


“Estou ainda mais decepcionada com o que esse veredito significa para outras mulheres. É um retrocesso e volta para uma época quando a mulher que se manifestava era humilhada publicamente.”



Johnny Depp também se pronunciou e disse que o “júri devolveu sua vida”. “Estou honrado com todo o amor, apoio e gentileza que recebi ao redor do mundo.”


“Espero que minha luta pela verdade tenha ajudado outros, homens ou mulheres, que já se viram na mesma situação (...) Também espero que voltemos à posição de ‘inocente até que se prove ao contrário.’”

Depois de tapa

e Amber Heard

Johnny Depp

judicial entre

debocha da briga

NO OSCAR, Chris Rock