blonde: como foi a morte de marilyn monroe? Conheça a história real por trás do filme da Netflix


Marilyn Monroe foi um ícone dos anos 50, lembrada por seus vestidos esvoaçantes e cabelo loiro perfeitamente penteado. A atriz estava em seu auge na época e parou o mundo quando faleceu aos 36 anos


A atriz se tornou um dos assuntos mais explorados no cinema, seja em documentários ou filmes ficcionais. O mais recente deles é Blonde, estrelado por Ana de Armas, que já está no catálogo da Netflix

COMO MARILYN MONROE MORREU?
Na manhã de 5 de agosto de 1962, ela foi encontrada morta em sua casa em Los Angeles, por uma aparente overdose de pílulas para dormir, segundo Los Angeles Times na época


O The New York Times escreveu que Marilyn tinha ido para seu quarto por volta das 20h na noite anterior. Segundo o relato, ela foi encontrada "nua, de bruços na cama e segurando um telefone na mão."


A governanta de Monroe se preocupou quando Marylin não respondeu às batidas na porta. Então ligou pro psiquiatra da atriz, que foi à casa e quebrou a janela para acessar o quarto, encontrando-a morta


A polícia não foi chamada até às 4h20, cerca de uma hora depois o psiquiatra foi chamado. Foi demorado, pois precisavam da permissão do estúdio de cinema de Marylin antes de alertar as autoridades


A autópsia revelou que a atriz morreu de toxicidade aguda combinada de drogas, hidrato de cloral (calmante geralmente usado em pacientes antes de cirurgias) e Nembutal (sedativo e anticonvulsivante)




O filme blonde estrelado por Ana de Armas já está na Netflix. A história é baseada no livro homônimo de Joyce Carol Oates e não tem base fiel nos fatos reais

ABUSO SEXUAL EM

Cena explícita de

DIVIDE OPINIÕES

marilyn MONROE

FILME SOBRE