preconceito

DESABAFA SOBRE

Batman:

ZOË KRAVITZ FOI

BARRADA EM

O CAVALEIRO DAS

TREVAS POR

SER NEGRA E



A atriz que interpreta a Mulher-Gato no novo filme do Batman foi impedida de participar de testes para o elenco da trilogia O Cavaleiro das Trevas, em 2012.


Zoë revelou que, em 2012, tentou entrar para o elenco de O Cavaleiro das Trevas. Mas a atriz foi rejeitada antes mesmo de fazer os testes e a justificativa foi de que ela “urbana” demais para o papel.



O termo “urbano”, apesar de parecer nebuloso, está relacionado, de forma pejorativa, à cor da pele e Zoë mencionou os obstáculos sofridos por atrizes negras. 


“Ser uma mulher negra, ser uma atriz e ouvir, naquela época, que eu não poderia fazer os testes por causa da cor da minha pele… [...] Foi realmente difícil naquele momento.”




“Eu não sei se isso veio direto do Chris Nolan. Acho que provavelmente, veio de algum diretor de elenco ou assistente”, concluiu. 


“Eu pergunto aos produtores por que não há pessoas negras em seus filmes [...] O que eu descubro é que muita gente não vê isso como um problema porque não é a história deles.”


“Há certos trabalhos em que eu sei o que estão me pedindo. Querem que eu fale como uma pessoa ignorante. Mas se meu personagem não tem educação [...], não pode ser só porque sou negra.”


Robert Pattinson e Zoë Kravitz impressionaram o público com uma química intensa em Batman e a nova versão de Selina Kyle ganhou uma história mais densa no longa assinado por Matt Reeves.

Batman:

Robert Pattinson

Christian Bale

inusitado de

recebeu conselho