Atriz de Cinderela quase perdeu o maior papel da carreira porque produtor não a achava "gostosa o suficiente"




Harvey Weinstein não a queria no filme e os co-protagonistas, Matt Damon e Ben Affleck, lutaram para mantê-la no longa-metragem.





Minnie Driver começou a trabalhar no audiovisual nos anos 90 e coleciona mais de 80 créditos em seu currículo. 




Em uma entrevista após o lançamento de seu novo livro de memórias, a atriz trouxe à tona os momentos difíceis de sua carreira. 



Ela revelou detalhes sobre a época em que estava gravando Gênio Indomável e o produtor Harvey Weinstein disse que ela não era “gostosa o suficiente” para interpretar a personagem.



"Eu não era super bonita. A ideia de que essa era a moeda que eu deveria perseguir... Agradeço a Deus que eu não fiz uma tonelada de coisas que eu poderia ter feito.” 




Minnie Driver, que interpretou a personagem Skylar ao lado de Will Hunting, de Matt Damon, recebeu sua primeira indicação ao Oscar pelo papel. 



Na época, Minnie disse que Matt Damon e Ben Affleck, além do diretor Gus Van Sant, "lutaram muito" para que ela estivesse no filme: "Sou grata a eles até hoje.”


Após as alegações, a equipe de Harvey Weinstein, condenado a 23 anos por estupro e assédio sexual, divulgou um pronunciamento: “Ele admite quando está errado, e Minnie foi fantástica.”

Johnny Depp x

impactou o cinema

de Hollywood

judicial dos atores

Como a briga

Amber Heard: