6ª temporada

problema na

PODE SER UM

A HISTÓRIA REAL

POR TRÁS DE

PEAKY BLINDERS




Episódios finais da série com Cillian Murphy estreiam nos primeiros meses de 2022. Mas será que aquele personagem nazifascista vai sobreviver?

Murphy não deu muitos detalhes sobre o que vem por aí, mas disse que é “dark” como nenhuma outra temporada. A trama vai ser retomada de onde parou: 1934, quando o nazifascismo se consolidava na Europa




"O ritmo da bateria está cada vez mais forte, as tensões são piores e Tommy está no meio de tudo isso", alertou o criador da série. 


Nesse contexto, entra Oswald Mosley, um político de extrema direita que vira o principal inimigo dos Shelby. O personagem é baseado em um parlamentar britânico que realmente existiu. 


Apesar de ser uma série de época em que eventos reais se misturam com ficção, o fato de os personagens principais serem invenções oferece liberdade absoluta à equipe criativa. 


Porém, com Mosley, os roteiristas têm somente duas opções: desviar-se da História e alterar o destino do personagem, que não morreria até 1980 na vida real; ou deixá-lo viver, por ser uma figura real.


O fator surpresa, portanto, acaba sendo afetado. Como na 5ª temporada, em que os fãs já esperavam o fracasso na tentativa de assassinar Mosley, já que o político britânico estava vivo na época.


Se havia dúvidas sobre o arco dramático de Mosley e sua autenticidade histórica, parece improvável que, uma vez desperdiçada a oportunidade na 5ª temporada, o personagem morra na última. 

Peaky Blinders:

a família Shelby

explosivo para

prepara final

6ª temporada